domingo, 9 de julho de 2017

Curso de verão em Melgaço: Fora de Campo

O curso de verão Fora de Campo com o tema Cinema, narrativas, lugares de memória, vai ocorrer no âmbito de FILMES DO HOMEM – Festival Internacional de Documentário de Melgaço. O curso acontecerá entre 1 e 6 de agosto e a coordenação geral é do professor José da Silva Ribeiro (UFG). O evento é uma ação colaborativa entre várias instituições e pesquisadores de diversos países. Segundo o site: "Será um encontro de reflexão, debate e desenvolvimento de pesquisa e práticas criativas no âmbito das Ciências Sociais, das Artes e das Ciências da Comunicação, em torno do tema Cinema, narrativas, lugares de memória. O curso resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Melgaço e a AO NORTE - Associação de Produção e Animação Audiovisual em colaboração com Universidades e Grupos de Investigação/Pesquisa de Portugal, Galiza, Brasil e EUA. São objetivos do Fora de Campo: a aproximação das abordagens artísticas, tecnológicas e das ciências sociais e humanas ao cinema; a colaboração entre Redes e Grupos de Investigação/Pesquisa que participam no Festival; o envolvimento da população local nas atividades realizadas no Curso e no Festival e contribuir para a afirmação da cultura popular como fonte de aprendizagem e desenvolvimento local. O Fora de Campo é estruturado em diversas atividades teóricas, teórico-práticas e práticas. O calendário será dividido entre conferências e seminários, workshops, apresentação de projetos, trabalho de campo e visionamento dos filmes exibidos no âmbito do festival FILMES DO HOMEM. A participação no Curso de Verão Fora de Campo é aberta a todas as pessoas, adaptando-se os trabalhos a realizar durante o curso aos conhecimentos teóricos e práticos do participante". Os detalhes do curso estão disponíveis no site do evento.

sábado, 1 de julho de 2017

Notas sobre o árduo percurso para publicar um e-book no contexto acadêmico

Depois de muitas dificuldades (muitas mesmo!) conseguimos publicar o e-book "Mídias Digitais e Mediações Interculturais" no site da Amazon. O e-book começou a ser organizado em agosto do ano passado e a previsão para a publicação era em torno de seis meses. Eu e Thelma Panerai, como coordenadoras do grupo de pesquisa Mídias Digitais e Mediações Interculturais, pensávamos que seria um percurso difícil, mas não impossível. Tolinhas... Cada opção que surgia rapidamente era tragada pela burocracia, prazos absurdos, exigências incompreensíveis e falta de recursos. A situação das editoras universitárias é tão lastimável quanto a rigidez e inércia dos seus processos para publicação. Além de todos os obstáculos burocráticos e prazos incompreensíveis, ainda nos cobraram um valor absurdo para diagramar e publicar um livro digital. Oi? Eu entendo perfeitamente que não se tenha recursos para publicar livros impressos, mas cobrar um valor absurdo por um livro digital?? Estou contando as nossas dificuldades porque nós queríamos um e-book que fosse aberto, livre e disponível para qualquer um acessar. É nisso que acreditamos, mas não foi possível realizar. Optamos por usar a plataforma da Amazon porque não era possível esperar mais. Quem escreve sobre o uso de tecnologias não pode esperar dois anos para publicar um livro sob o risco de publicar algo que já está obsoleto ou, no mínimo, desatualizado. Fizemos a nossa escolha lamentando não ser do jeito que queríamos. A frustração e a sensação de impotência foram tão grandes que durante o processo pensei em coisas loucas: entrar na sala do reitor e pedir para assumir a editora da universidade, fundar uma editora de livros acadêmicos para apoiar todos os professores pesquisadores que vivem a mesma frustração que nós, publicar em outro país para agilizar o processo... Como vocês já notaram, o desespero faz a mente divagar para lugares e situações impossíveis! O importante é que deu tudo certo (mesmo não sendo o ideal) e a nossa publicação está disponível no formato e-book. Também teremos uma versão impressa para quem não vive sem o incrível aroma de um livro novinho em folha. Boa leitura!

Publicado o e-book Mídias Digitais e Mediações Interculturais

Finalmente, conseguimos publicar o e-book "Mídias Digitais e Mediações Interculturais" no site da Amazon. O livro é a primeira produção vinculada ao grupo de pesquisa Mídias Digitais e Mediações Interculturais da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Segundo a apresentação, o livro “surgiu da ideia de favorecer a interação entre professores de universidades brasileiras e universidades portuguesas, num intercâmbio de conhecimentos sobre temas comuns que estão sendo desenvolvidos no âmbito das diferentes pesquisas e que se relacionam com o uso das mídias na educação e com mediações culturais, cinema e sociedade”. O livro está organizado em duas partes (mídias na Educação e mediações culturais, cinema e sociedade) e apresenta onze artigos:

1 Permanência dos estudantes no Ensino Superior a distância: elaboração de um instrumento

2 Mídias digitais na educação: redes e coaprendizagem a partir de um evento científico assíncrono

3 Ambientes virtuais de aprendizagem no desempenho académico dos estudantes do ensino superior

4 Mídias Digitais, Fluência Tecnológico-Pedagógica e Cultura Participatória: a caminho da web-educação 4.0?

5 A consolidação da cultura digital e as práticas adotadas pelos professores das licenciaturas da UAb (Portugal)

6 Recursos Educacionais Abertos e Práticas Colaborativas: De Tendências à Realidade

7 O Cinema na Escola: Recurso Pedagógico e Experiência Sensível

8 Documentário Finding our way: um olhar sobre a narrativa e as contribuições da antropologia visual no campo da Educação

9 Doméstica e Dispositivo como Encontro [Ou Post-Its sobre Realidades Elásticas, Mediações Culturais e Autorias Compartilhadas no Documentário]

10 O arquiteto do Porto: celebrando o centenário de Agostinho Ricca no Second Life

11 Entre o palco e a película: O Lamento da Imperatriz de Pina Bausch

O livro está disponível no site da Amazon no formato digital e também no formato impresso (disponível nos próximos dias).

Ads Banner

Google Analytics