quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

TCC sobre a informática na Educação Infantil

Algumas pessoas choram em casamentos, eu choro nas apresentações de TCC... Durante o ano inteiro orientei duas alunas (Panmella Dias e Thaís Oliveira) que pesquisaram o uso da informática educacional na Educação Infantil. As duas já tinham trabalhado em escolas particulares como professoras de informática e decidiram ir à luta e pesquisar o tema. A dificuldade já começou na ausência de pesquisas sobre o que realmente está acontecendo nos laboratórios de informática nas escolas e o referencial teórico não ajuda muito, já que não existe um consenso entre os especialistas se as crianças pequenas devem realizar atividades no computador antes de aprender a ler e escrever. Porém, o que são dificuldades e obstáculos quando uma orientadora louca decide riscar um fósforo onde tem gasolina? As duas trabalharam muito, fizeram a pesquisa em duas escolas de Recife, observaram, registraram e analisaram os dados. O resultado? Um trabalho maravilhoso e a conclusão que as escolas não se apropriaram da sala de informática ao seu projeto político pedagógico e por isso mesmo realizam práticas instrucionistas. A banca foi maravilhosa, as professoras Thelma Panerai e Emília deram muitas contribuições importantes e elogiaram o trabalho da dupla. A família estava presente em peso para prestigiar o trabalho das duas, muitas comidinhas gostosas e um discurso de agradecimento que me fez chorar feito uma bezerra desmamada no pasto. Não foi um discurso de agradecimento formal não, foi o reconhecimento de que mesmo com um ano tão difícil, eu não deixei a peteca cair (ao meu favor, posso dizer que não fui a única a chorar, outra professora da banca também abriu o berreiro e não vou dizer o nome dela aqui para não perder a amiga!). Fui abraçada por todos os familiares (ai, gente, eu não mereço ser tão paparicada...) e terminei o meu dia com a certeza que estou no caminho certo. Meu lugar é mesmo aqui!

12 comentários:

Thelma disse...

Ana, a apresentação das meninas foi muuuuito bonita! E seus agradecimentos, idem! Não tenho dúvidas de que tu fizeste o possível e o impossível para que elas chegassem àquele momento da maneira como elas chegaram: com segurança e com a certeza de que tinham feito um excelente trabalho. Mesmo com a perda de teu companheiro de vida, que é um motivo mais do que suficiente para deixar a peteca cair, tu seguiste em frente. Para não abandoná-las na metade do caminho, tu voltaste à ativa em menos uma semana. Despedaçada por dentro, mas comprometida com teu trabalho e com tuas alunas. Elas reconheceram o teu esforço e isso foi o mais lindo em seus agradecimentos! Bom, quando tu começaste a chorar, eu já estava super emocionada....e deixei as lágrimas rolarem tb.
Acho que tu tens motivos de sobra para sentir alegria, querida! Tu és uma óóóóótima professora e uma óóóóótima pessoa! Parabéns pelo teu talento! Bjs

Ana disse...

Pois é, eu não quis contar que você foi chorona também, mas já que você se entregou...kkkk O resultado do trabalho delas foi muito importante porque mostrou que posso estar inteira novamente. Aos poucos, vou me reconstruindo e só tenho a agradecer pelo seu apoio.

Beijos,

Cíntia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cíntia disse...

Querida prof Ana, assim não vale no outro blog já choro que só, e agora nesse também, assim num vale! Afora as brincadeiras, puxa você hoje foi a segunda pessoa a confidenciar que se derramentou em lágrimas no momento em que seus alunos se superaram. Eu também já chorei, num momento em que um aluno do Travessia, após anos sem estudar e que trabalhava duro o dia todo, escreveu uma poesia em que retratava com genialidade a exploração dos portugueses com os nativos. Sim, outra coisa, parabéns para vcs três, pois acho genial essa proposta de pesquisar a informática na Educação Infantil. Sim, caso as meninas queiram trocar figurinhas, conheci uma menina no Hipertexto que sua dissertação foi sobre essa tema. Abraços

8 de dezembro de 2010 23:51

Thaís Lima disse...

Professora Ana, não faça isso, agora quem tá chorando sou eu! que coisa linda essa sua postagem! Como já disse: " Sem a senhora NADA disso seria possível!! És um grande exemplo pra mim, uma guerreira, uma profissional de altíssimo nível, uma pessoa que dispensa adjetivos" Serei eternamente grata a senhora!! Espero que a senhora me queira ainda como orientanda, porque eu não vou sair do seu pé!! Tem como deixar de mão uma pessoa dessas meu Deus??!! kkkkkk A SENHORA É A MELHOR!!!

Ahhh, e o que é a professora Telma?? Uma querida, que tá no meu coração pra sempre já!!! Vocês duas juntas hein?? pode não!!Aff maria!! kkkkk

Um beijo professora mais linda do mundo, mais uma vez muito obrigada!! e toda felicidade do mundo pra senhora, que Deus abençoe sua vida, sua carreira, seus planos...

Cris disse...

Que bom, um trabalho sobre informática na Educação infantil! Eu trabalho com Tecnologia na Educação Infantil aqui no Fazer Crescer e tb tive muitas dificuldade para fazer minha monografia, tenho muito interesse no tema e depois que ter acesso ao trabalho das meninas.
E vc Ana, a cada dia percebo o quanto você é comprometida com a Educação e com seus alunos espero um dia ser orientada por você!

Um beijo grande,
Cris

Ana disse...

Cíntia,

Bem vinda ao clube das choronas, não temos feito outra coisa ultimamente...:) As meninas precisam mesmo de mais informações, que bom que já temos uma dissertação sobre o tema. Vou olhar no caderno de resumos, depois você nos passa o contato? Tenho certeza que 2011 será um ano de muito trabalho para todas nós!
Beijos

Ana disse...

Thaís,

Thelma é mesmo uma querida que está conquistando todos nós, sempre disponível para apoiar todo mundo. Quando parece que tudo já terminou (o curso e a monografia), você se dá conta que está só começando... Tenho certeza que você terá muito sucesso!

Beijocas,

Ana disse...

Cris,

Fiquei impressionada como tem gente interessada no tema, realmente existe uma lacuna grande. Eu fiz uma postagem no twitter e rapidamente vários professores pediram para ler o trabalho. Vamos finalizar a versão final e vou postar aqui para todos terem acesso. Apesar de retratar a realidade de Recife, tenho certeza de que quem trabalha com informática na EF, vai se identificar com as situações retratadas pelas meninas no trabalho. Quanto ao mestrado, vamos batalhar muito esse ano para ter muitas vagas na nossa linha na próxima seleção.
Beijos

Bruno de Souza disse...

Poxa Professora Ana, adorei seu blog!

Espero sempre poder visitá-lo.

Bruno de Souza

Ana disse...

Bruno,

Puxa, obrigada! Vou caprichar bastante depois do elogio.É muito bom saber que algo que escrevemos agrada aos outros.

Abraços,

Thiago Pitaluga disse...

Fico interessado no tema, gostaria de saber se este universo de educar na infância com a informática como ferramenta. E a EAD também vai chegar a este contexto? Educação infantil a distância? como seria, quais seriam as aplicações deste complexo tema que é tão recente? será que a tecnologia vai ajudar sanar o problema da educação no brasil?

Ads Banner

Google Analytics