sábado, 9 de abril de 2011

Mês de março

Fazia tempo que eu não concentrava tantas atividades no mesmo período como foi agora no mês de março. Todas as qualificações dos mestrandos do Edumatec acontecem em março e além da preocupação com os meus alunos, participei de várias bancas. Só a maratona da qualificação já seria o suficiente para me ocupar todas as horas de trabalho da semana, mas isso ainda seria pouco para quem está acostumada com verdadeiros rojões. Não, senhoras e senhores, eu ainda tive que arrumar dois artigos para escrever, iniciar a disciplina do mestrado, apresentar trabalho em um evento e participar da comissão de avaliação da CAPES. Fiquei surpresa com a quantidade de coisas novas que eu aprendi. O interessante é que eu não estou me sentindo fisicamente cansada, mas o cérebro parece que vai derreter... Apesar da minha experiência como professora em cursos de graduação e especialização, as demandas que eu tenho hoje são muito diferentes. É preciso dominar os assuntos da sua área (o que não é fácil quando se trata de tecnologias que mudam rapidamente) e também conhecer os assuntos que estão às margens do seu objeto de estudo. Daí, quando não se sabe, é preciso buscar informações e estudar muito. Claro que tudo seria mais fácil se a nossa carga horária não fosse repleta de aulas, reuniões, representações, orientações etc. Eu pretendia reservar dois dias na semana para a pesquisa, leitura e escrever artigos. Cadê que consigo? Resultado: voltei a trabalhar nos fins de semana e isso é um desastre a médio prazo porque o cansaço se acumula e a produtividade despenca. Durante a minha viagem para Brasília, fiquei pensando nas semanas atribuladas e percebi que é muito fácil se deixar levar pelo tsunami da vida desorganizada, independente do local onde você trabalha. É muito fácil perder o foco, morrer de tanto trabalhar e deixar as coisas importantes de lado. Para se concentrar nas coisas importantes, é preciso fazer escolhas e isso significa dizer não, priorizar os compromissos e direcionar as energias para o que interessa. É a receita dos manuais de "gerencie a sua carreira", mas o que fazer quando tudo parece importante e acontece ao mesmo tempo? Vou tentar colocar algumas medidas em prática a partir da próxima semana. Vai ser o caos total ou a reorganização definitiva da minha vida! Veremos...

Um comentário:

amandita2007 disse...

Quando ouço (leio) esses relatos, cada vez mais se fortalece a minha convicção de investir na minha simplória carreira de desenvolvedora de didáticos. Esse negócio de carreira acadêmica deixo para os fortes.

beijão!

Ads Banner

Google Analytics